Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Exposição gratuita no Jardim Botânico – “Mata Atlântica – Ciência e Arte”

Ilustrações científicas em exposição no Jardim Botânico do Rio de Janeiro.


sexta-feira, 18/dezembro/2015
Exposição gratuita no Jardim Botânico – “Mata Atlântica – Ciência e Arte”

A exposição “Mata Atlântica – Ciência e Arte” será inaugurada no dia 22 de dezembro no Museu do Meio Ambiente, no Jardim Botânico do Rio de Janeiro, às 16 hs. A mostra reúne cerca de 200 obras de ícones da história da ilustração científica e natural, como Jean Baptiste Debret e Margaret Mee, e artistas contemporâneos que se dedicam ao ofício, como Prof. Paulo Ormindo da UFRRJ/JBRJ, organizador e curador da exposição juntamente com curadora Christina Gabaglia Penna.

A idéia de apresentar ao público parte de acervos que ficam “escondidos”, isto é, fora da vista pública, de instituições como a Biblioteca Nacional, da Fundação Oswaldo Cruz, Museu Nacional, Museus Castro Maya e outros, surgiu em 2012 por ocasião do IV Encontro Nacional de Ilustradores Científicos, segundo a curadora. “Há registros extraordinários, um universo confinado em mapotecas e armários de nossas instituições que poucos conhecem. Vamos trazer esses acervos para a vista pública”, ressaltando espécies de valor cientifico , histórico e cultural da Mata Atlântica, sendo considerado “patrimônio nacional” pela constituição brasileira em 1988, um Bioma que se encontra constantemente em perigo, tendo sua área natural reduzida próximo de 27% e de apenas 7% de remanescentes bem conservados explica Christina Penna e Paulo Ormindo.

Os curadores ressaltam que a ilustração científica tem uma tradição histórica na humanidade e que os Científicos/naturalistas tiveram papel importantíssimo nas grandes viagens das descobertas, com o registro científico da fauna e da flora desconhecidas dos europeus e dos brasileiros. Segundo eles, trata-se de uma profissão e tradição muito forte e de uma atividade que não foi afetada com o surgimento e a evolução da fotografia. “A ilustração consegue destacar os detalhes que só o desenho permite de forma clara e criteriosa em uma única prancha . O ilustrador científico continua sendo muito importante para a biologia em vários segmentos da botânica e zoologia,, inclusive é uma disciplina curricular dentro do curso de licenciatura em Belas Artes da UFRRJ ministrada pelo Prof. Paulo Ormindo e ha mais de uma década a ENBT/JBRJ tem um Programa de Ilustração Botânica.

Entre os destaques de “Mata Atlântica – Ciência e Arte” estão obras de Jean-Baptiste Debret, cedidas pelos Museus Castro Maya e uma coleção de 33 “mutucas” do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro, são fichas de trabalho sobre espécies estudadas pelo do Dr. Adolpho Lutz, médico e cientista.

A mostra faz homenagem algumas mulheres, as ilustradoras botânicas Margaret Mee e Maria Werneck de Castro e a artista Alemã Maria Sibylla Merian com duas obras do Sec. XVII, e em destaque a cientista e pesquisadora Dra. Graziela Barroso, notória em formar gerações de cientistas que hoje se dedicam às investigações acerca das plantas.responsável pela descoberta e identificação de inúmeras espécies.

Os curadores acreditam que a exposição vai dar ao público não só uma satisfação estética, abrindo um universo de interesse pela – pela beleza, delicadeza e precisão dos trabalhos – mas vai mostrar um pouco do universo envolvido no estudo da natureza.

Exposição “Mata Atlântica – Ciência e Arte”
Museu do Meio Ambiente – Jardim Botânico
22 de dezembro a 13 de março 2016

Endereço: Rua Jardim Botânico, 1008.
Telefone: 2294-6619
Funcionamento: segunda das 12h às 17h; terça a domingo das 10h às 18h.
Entrada franca


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Exposição com 30 estudos de Cândido Portinari chega a Curitiba, com entrada gratuita

Os significados das pedras preciosas. Encontre a joia perfeita para os looks de fim de ano

Natal no Palácio Avenida encanta e emociona curitibanos

Um ambiente por semana


OAB Paraná abre as portas para as artes plásticas

OAB Paraná abre as portas para as artes plásticas


Estúdio de Dança de Guarapuava faz sucesso em Festival do Mercosul

Estúdio de Dança de Guarapuava faz sucesso em Festival do Mercosul


O VENTRE O VASO O CLAUSTRO – Canções de ex-menino para amor sem nome

O VENTRE O VASO O CLAUSTRO – Canções de ex-menino para amor sem nome


Ícaro Residencial de Luxo assinado por Arthur Casas recebe prêmio

Ícaro Residencial de Luxo assinado por Arthur Casas recebe prêmio