Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Acabe com o mofo e bolor de armários e guarda-roupas


sábado, 05/dezembro/2015
Acabe com o mofo e bolor de armários e guarda-roupas

Com tantos dias de chuva, a umidade facilita o surgimento de bolor e mofo nos armários e guarda-roupas. Essas reações, causadas pelos fungos, podem até ser desejadas no processamento de queijos e vinhos – mas em casa podem estragar o mobiliário, paredes, roupas, sapatos e bolsas. O cheiro é desagradável e a aparência escura da mancha logo dá a impressão de um ambiente sujo e mal cuidado. Mas antes de entrar em desespero, reverta a situação com dicas simples e sem muito estresse.

Para a consultora de operações da Dona Resolve, Paula Roberta da Silva, existem algumas receitas caseiras que ajudam a eliminar essas manchas: “Em um balde com água, adicione um litro de água para 100 ml de água sanitária e espalhe pelo ambiente atingido pelo mofo, deixando agir por 30 minutos”. Depois disso, a mancha fica fácil de ser retirada. Apenas um pano limpo deve ser o suficiente. Se não for, repita a operação com uma esponja.

O mofo é provocado pelo excesso de umidade no ambiente, e pode se desenvolver em vários lugares da casa, como paredes, tetos, banheiros e armários. Os tecidos da cortina, estofados e almofadas também são suscetíveis ao problema. O couro, um dos materiais mais sensíveis ao bolor, podem ser limpos com vinagre branco. “Não há mofo que resista. O vinagre é o maior aliado para a retirada de qualquer tipo de bolor”, esclarece a consultora.

Melhor ainda é prevenir. Ter uma boa ventilação dentro de casa, por exemplo, ajuda muito. No caso de ambientes com muita umidade, como banheiros, cozinha e lavanderia, existem hoje no mercado tintas e outros produtos específicos que evitam a proliferação de fungos. No caso dos tecidos e roupas delicadas, o ideal, segundo Paula, é guardar tudo em sacos de TNT ou algodão. Pastilhas antimofo dentro dos armários também podem minimizar o problema.

Tecidos e estofados

Nos tecidos, a limpeza da mancha de bolor é mais difícil. Diferentemente de paredes e tetos, os estofados não podem ser limpos com água sanitária, explica Diego Augusto Lobado, consultor do Idea Clean Limpeza Profissional. Para a retirada do bolor, Diego afirma que a melhor opção é o uso de um xampu neutralizador, que é espalhado com a ajuda de um aspirador com filtro d’água. “Depois de limpar, com a utilização de uma escova, você pode secar com um pano e deixar à sombra”, sugere o profissional. Secagem ao sol e o uso de produtos inadequados danificam o tecido e fragilizam suas fibras.

 

Gazeta do Povo

 


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Concursos: pelo menos 16 órgãos abrem inscrições nesta segunda para preencher 2,4 mil vagas

Morre o chef Paul Bocuse, o ‘papa’ da gastronomia francesa

Dólar fecha em queda pelo 3º pregão seguido, a R$ 3,2013

Má notícias para brasileiros que querem estudar na Europa


Aumenta número de notas zero nas redações do Enem; resultados estão disponíveis

Aumenta número de notas zero nas redações do Enem; resultados estão disponíveis


Nasa detecta asteroide potencialmente perigoso vindo para a Terra

Nasa detecta asteroide potencialmente perigoso vindo para a Terra


Motorista que atropelou 17 em Copacabana não havia ingerido bebida alcoólica, aponta exame

Motorista que atropelou 17 em Copacabana não havia ingerido bebida alcoólica, aponta exame


Petrobras: preço do gás de cozinha cai 5% nas refinarias a partir de sexta-feira

Petrobras: preço do gás de cozinha cai 5% nas refinarias a partir de sexta-feira