Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Anitta responde a vereador que a chamou de ‘garota de programa’ e ele pede desculpas

Otoni de Paula fez postagem no Facebook com o título 'cantora ou garota de programa'


sábado, 02/setembro/2017
Anitta responde a vereador que a chamou de ‘garota de programa’ e ele pede desculpas

Uma polêmica nas redes sociais envolve a cantora Anitta e o vereador do Rio de Janeiro Otoni de Paula Jr. (PSC). Na última terça-feira (30), o político publicou em sua página oficial no Facebook fotos e texto questionando o comportamento da cantora e sua responsabilidade com o público infantil.

Com o título “cantora ou garota de programa?”, Otoni de Paula diz ser lamentável uma cantora “se prestar a isso”, em referência a atitudes e poses eróticas de Anitta durante um show. Após a cantora responder com comentário na própria postagem, o político publicou um pedido de desculpas.

No texto ele pede desculpa por publicar a montagem das fotos que chama de “mau gosto” e alega estar convocando uma reflexão.

“A que nossas crianças estão sendo submetidas? Anita arrasta multidões de crianças em seus shows, é idolatrada pelos adolescentes de hoje, mas Anitta não tem nenhuma responsabilidade profissional com essa meninada que ela conquistou”.

No mesmo texto, o político pede desculpas por um edição do texto em que a assessoria dele escreveu que a cantora se comportava como uma “vagabunda de quinta”.

“Gostaria de pedir perdão pelo termo usado no final desse texto (já mudado por mim), publicado por minha assessoria, quando disseram que Anitta se comportava desse modo como “vagabunda de quinta”. Esse termo foi inapropriado. Por isso peço perdão. O texto permanece”, explicou.

A cantora Anitta se pronunciou com um comentário na própria página do vereador na noite de sexta-feira (2). No mesmo texto, a cantora informa que não vai processar o vereador por calúnia.

“Aproveito a notoriedade que seu post tomou pra responder sua pergunta. ‘A que nossas crianças estão sendo submetidas?’. A uma triste falta de oportunidade e educação pra quem não tem dinheiro. Uma aprovação automática que desestimula professores a alunos a formarem pessoas educadas neste país. Nossas crianças estão submetidas a terem que ralar e se esforçar 24h por dia para tentar ter algum tipo de instrução e oportunidade na vida que nao seja o crime ou trabalhos informais como a prostituição por exemplo”.

Horas depois, o político publicou um novo texto com um pedido de desculpas à cantora. No entanto, ele diz que as críticas estão mantidas e elas não foram pessoais e sim comportamentais. Ele ressalta ainda que “o talento da cantora está acima da vulgaridade”.

“Anitta, antes de mais nada, gostaria de me desculpar com o termo “vagabunda de quinta”, que minha equipe acrescentou ao texto. Nem você ou qualquer mulher do mundo merece receber esse adjetivo pejorativo.

Segundo, não lhe chamei de “garota de programa”, e sim fiz uma pergunta mediante a foto que vi – querendo ressaltar que esse tipo de foto está mais para uma garota de programa do que para uma profissional como você.

A primeira postagem polêmica do vereador no início da semana tem mais de 30 mil curtidas e 11 mil compartilhamentos. Após a resposta da cantora, o pedido de desculpas do político tem 12 mil curtidas e mais de seis mil comentários.

g1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Assembleia paulista aprova lei que facilita sujar nome de devedor

Black Friday: veja os principais problemas dos últimos anos e listas de empresas mais reclamadas

Anthony Garotinho e Rosinha Matheus são presos

Mega-Sena pode pagar R$ 50 milhões nesta quarta


Operários acham suástica gigante na Alemanha

Operários acham suástica gigante na Alemanha


Unicamp aprova cotas étnico-raciais no vestibular 2019

Unicamp aprova cotas étnico-raciais no vestibular 2019


TRF4 nega recurso a Dirceu em decisão condenatória de processo da Lava Jato

TRF4 nega recurso a Dirceu em decisão condenatória de processo da Lava Jato


Mulher morta a tiros pelo marido fez BO por agressão uma semana antes do crime

Mulher morta a tiros pelo marido fez BO por agressão uma semana antes do crime