Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Após aplicar golpes em mulheres ricas, ‘Don Juan do DF’ é encontrado morto em porta-malas de carro


quarta-feira, 02/dezembro/2015
Após aplicar golpes em mulheres ricas, ‘Don Juan do DF’ é encontrado morto em porta-malas de carro

O homem que foi preso pela Polícia do DF por suspeita de cometer estelionato contra mulheres ricas no Lago Sul, região nobre de Brasília, morreu na madrugada desta terça-feira (1º). O corpo de Antônio Carlos Guimarães estava amarrado e amordaçado dentro do porta-malas de um carro estacionado em um condomínio no Paranoá (DF).

 

O “Don Juan do DF” gostava de ostentar: andava sempre bem vestido e mostrava na internet fotos com carros importados e dizia que tinha apartamento em Miami, mas quase tudo era farsa. Ele acabou preso quando esperava um morador de rua que atuava como laranja dele. O comparsa teria aberto uma conta para Antônio receber dinheiro das vítimas. Os agentes o prenderam na hora em que o ajudante tentava pegar mais um empréstimo.

 

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o corpo do “Don Juan do DF” foi encontrado por vigilantes do condomínio, durante uma ronda. Eles teriam estranhado o carro estacionado com um dos vidros quebrados, decidiram verificar e encontraram a vítima dentro do porta-malas, com muitos ferimentos e as mãos amarradas.

 

Um dos moradores é bombeiro e rapidamente foi chamado para ajudar no resgate. O homem chegou a ser socorrido, mas morreu no local poucos minutos depois, antes mesmo de ser encaminhado para o hospital.

 

Depois do crime, a segurança do condomínio foi reforçada. Nenhum morador quis conceder entrevista. Antônio Carlos Guimarães tinha 45 anos e 29 passagens pela polícia, não só por estelionato, mas também por homicídio. A perícia ainda apontará a causa da morte.

 

— Ele provavelmente é aquele indivíduo que foi preso no mês de agosto, conhecido como o Don Juan do Lago Sul, que procurava enganar mulheres utilizando documentos falsos para adquirir veículos e outros bens de forma fraudulenta. Ainda precisamos confirmar a causa da morte, mas provavelmente foi por disparo de arma de fogo — disse o delegado responsável pelo caso, Marcelo Portela

 

r7

 


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Prêmios de loterias não resgatados somam R$ 326 milhões em 2017

Avalanche isola hotel e pousada nos Alpes italianos

White Martins abre inscrições para programa de estágio

Globocop cai na orla da Zona Sul do Recife e deixa dois mortos


Lula irá a Porto Alegre nesta terça-feira, diz Gleisi Hoffmann

Lula irá a Porto Alegre nesta terça-feira, diz Gleisi Hoffmann


Sisu 2018 vai abrir inscrições à 0h desta terça, diz MEC

Sisu 2018 vai abrir inscrições à 0h desta terça, diz MEC


Decreto autoriza Nubank a virar banco

Decreto autoriza Nubank a virar banco


PF diz que uso de algemas nos pés e nas mãos de Cabral foi para garantir a segurança do próprio preso, dos policiais e de terceiros

PF diz que uso de algemas nos pés e nas mãos de Cabral foi para garantir a segurança do próprio preso, dos policiais e de terceiros