Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Boi vencedor do Festival de Parintins será conhecido hoje

Foram três dias de festa, com o bumbódromo cheio.


segunda-feira, 27/junho/2016
Boi vencedor do Festival de Parintins será conhecido hoje

Depois de três noites de festa, emoção e superação, o boi vencedor da 51ª edição do Festival de Parintins será anunciado hoje (27). A apuração das notas dos sete jurados está marcada para as 11h, horário local, no bumbódromo. Foram três dias de festa, com o bumbódromo cheio.

A diversidade cultural da amazônia foi representada na arena com alegorias, músicas, personagens, iluminação e vestimentas. A terceira e última noite ficou prejudicada por causa da crise econômica, que deixou o festival sem as verbas do governo do Amazonas. As alegorias das duas primeiras noites foram reaproveitadas e apenas 7, dos 21 itens, foram avaliados.

No entanto, o Festival da Superação, como foi chamado este ano, não deixou nada a desejar para quem conferiu e organizou as apresentações.

O boi que leva uma estrela na testa, o Caprichoso, homenageou a cidade que é berço do festival, com o tema Viva Parintins. Em cada noite, a ilha tupinambarana foi enaltecida, um dia ressaltando seu folclore, em outro a floresta e, por último, o seu povo. O bumbá azul encerrou as duas primeiras noites e fez a abertura do último dia do evento nesse domingo (26).

Joilto Azêdo, presidente do Boi Caprichoso, que fez a abertura da última noite, avalia que a apresentação desse domingo superou as anteriores pela emoção. “O Caprichoso fez nos dias 24 e 25 duas grandes apresentações com os 21 itens. Hoje, novamente, o Caprichoso, apesar de só ter sete itens que disputava, fez uma evolução tão boa quanto ns dias 24 e 25, até porque precisávamos que a nossa galera se emocionasse, como se emocionou hoje. A gente precisava fazer essa grande apresentação. Nós temos a certeza, e com a ajuda de Deus, nós vamos ter esse bi tão sonhado”, afirmou Joilto.

A emoção também foi a marca da última apresentação do bumbá vermelho, o Garantido. O boi que carrega um coração na testa, celebrou os antepassados, a tradição e a fé do povo de Parintins e o folclore da Amazônia. Para o representante do Comitê de Arte do Garantido, Fred Góes, a arte superou a crise econômica.

“Eu acho que a crise econômica não tem nada a ver com arte. A arte não pára. A arte, com dinheiro ou sem dinheiro, tem que ser executada. A verdade é essa, a arte vem da alma. O dinheiro vem da força do trabalho, que é válido, mas a arte é feita com a alma, ela vem do coração. Então, essa arte não pode sucumbir a qualquer pressão econômica”,

O Festival Folclórico de Parintins foi encerrado com a apresentação do Boi Garantido por volta da 1h30 de hoje.


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Preso por estupros mostrava fotos com famosos e carros de luxo para atrair mulheres, diz vítima

Nota do Enem é aceita para ingresso em 27 universidades de Portugal

Aposentada completa 100 anos e diz que segredo para vida longa é a ‘cervejinha’

Israel descobre parte oculta do Muro das Lamentações


Após cobrança por bagagem, preço das passagens aéreas sobe no país

Após cobrança por bagagem, preço das passagens aéreas sobe no país


Grupo Pão de Açúcar deve converter mais 9 lojas Extra em Assaí

Grupo Pão de Açúcar deve converter mais 9 lojas Extra em Assaí


Restituição do Imposto de Renda dá R$ 2,8 bi a 2,3 milhões de contribuintes

Restituição do Imposto de Renda dá R$ 2,8 bi a 2,3 milhões de contribuintes


Apostador do ES fatura prêmio de R$ 5,8 milhões na Mega-Sena

Apostador do ES fatura prêmio de R$ 5,8 milhões na Mega-Sena