Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Campanha #RecicloFaixa em SP


quinta-feira, 19/março/2015
Campanha #RecicloFaixa em SP

Eles atravessam a cidade movidos a arroz, feijão e um pouco de sorte. Entre ruas e avenidas disputam as vias da cidade ao lado de motos, carros, bicicletas, caminhões e ônibus para realizar um trabalho quase invisível, contribuindo com a limpeza de 18 mil toneladas diárias de lixo produzidos na capital paulista.

Em suas pesadas carroças como instrumento de trabalho, se tornaram os principais agentes de reciclagem em todo país.
No entanto, a criação das ciclofaixas na capital paulista mais uma vez gerou um cenário de descaso e desrespeito em relação ao trabalho feito pelos carroceiros.

Isso porque, apesar da criação das vias alternativas, não foi incluída explicitamente a permissão para a circulação de carroças nas ciclovias no decreto 55.790/14. A lei é responsável por autorizar o uso dessas vias por modais como bicicletas, skates e cadeiras de rodas, mas ainda deixa um ponto de interrogação em relação aos catadores.

Para pôr um ponto final na discussão que apenas marginaliza uma classe de trabalho sempre hostilizada, o coletivo Pimp My Carroça decidiu lançar a campanha#Reciclofaixa que pede à Secretaria Municipal de Transportes e à prefeitura paulistana autorização do uso das ciclovias. “São mais de 16000 carroças em SP, praticamente metade da frota de táxi, e eles são ignorados em todos os aspectos. Os catadores são um público vulnerável e estamos apontando uma falha no decreto, além da falha na comunicação da Secretaria de Transportes com os órgãos competentes(CET, PM) e também com a própria mídia e população”, ressalta o artista de rua Thiago Mundano.

Mesmo com a liberação da prefeitura, o artista relata as consequências que a desinformação pode trazer “Tenho relatos de catadores que já foram hostilizados pela PM por andar na ciclovia e por isso não a usam mais, e papos com diversos agentes da CET que dizem que carroça é proibido na ciclovia”.

Fonte: Catraca Livre


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Assembleia paulista aprova lei que facilita sujar nome de devedor

Black Friday: veja os principais problemas dos últimos anos e listas de empresas mais reclamadas

Anthony Garotinho e Rosinha Matheus são presos

Mega-Sena pode pagar R$ 50 milhões nesta quarta


Operários acham suástica gigante na Alemanha

Operários acham suástica gigante na Alemanha


Unicamp aprova cotas étnico-raciais no vestibular 2019

Unicamp aprova cotas étnico-raciais no vestibular 2019


TRF4 nega recurso a Dirceu em decisão condenatória de processo da Lava Jato

TRF4 nega recurso a Dirceu em decisão condenatória de processo da Lava Jato


Mulher morta a tiros pelo marido fez BO por agressão uma semana antes do crime

Mulher morta a tiros pelo marido fez BO por agressão uma semana antes do crime