Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Conheça o avião particular mais caro do mundo que a JBS, dos irmãos Batista, encomendou

À venda por US$ 70 milhões, o Gulfstream G650 detém recordes de velocidade, muito conforto e tecnologia de tempo


segunda-feira, 05/junho/2017
Conheça o avião particular mais caro do mundo que a JBS, dos irmãos Batista, encomendou

Em 2008, a Gulfstream anunciou o G650, o avião particular mais rápido e caro do mundo. Quase dez anos depois, ele continua no topo, com lista de espera de até três anos e preço de US$ 70 milhões. Entre empresários e artistas bilionários, alguns brasileiros, incluindo os irmãos Joesley e Wesley Batista, estão entre os clientes da empresa norte-americana, que tem sede em Savannah, no estado da Geórgia.

Em sua coluna n’O Globo, Lauro Jardim informou que a JBS adquiriu um Gulfstream G650 em setembro de 2015. A previsão de entrega é para 2018. Além dos irmãos Batista, outros brasileiros têm ou já tiveram um G650 no hangar. Nomes como Roberto Irineu Marinho, presidente do Grupo Globo, e Eike Batista, antes do furacão da Lava Jato alcançá-lo através da Operação Calicute, desencadeada no Rio de Janeiro.

O Gulfstream G650 é o maior jato particular à venda atualmente. Ele é, também, o mais rápido, detendo diversos recordes de menor tempo entre cidades bastante afastadas.

Antes dos números enormes, alguns detalhes do G650 chamam a atenção. A estrutura e os motores (dois Rolls-Royce BR725), por exemplo, são projetados de tal maneira a aumentar a pressurização da cabine. Mesmo voando mais alto que aviões comerciais, a 13,7 km do chão, a respiração de quem está dentro de um G650 equivale à de alguém que está entre 900 a 1200 metros acima do nível do mar. Isso ajuda a diminuir o cansaço dos passageiros em voos longos.

A velocidade máxima do G650 é de 982 Km/h, próxima da velocidade do som. Em condições ideais (oito passageiros e um pouco mais lento), o avião é capaz de ir de São Paulo a Nova York, ou de Nova York a Pequim, sem escalas. A autonomia é de 12964 km (ou 13900 km na versão G650ER, que tem autonomia estendida graças à maior capacidade do tanque de combustível e ajustes nas asas).

A velocidade menor reduz o consumo de combustível e, assim, permite que se vá mais longe sem paradas.

16003092_10155074715470809_5187012685446548545_n-ID000002-1200x800@GP-Web

 

 

 

 

 

 

Até 18 passageiros viajam em um Gulfstream G650 com todo o luxo possível – de TVs a Internet sem fio, em poltronas enormes que reclinam até virarem camas. Uma cozinha totalmente equipada e banheiros de fazer inveja a muito hotel em terra firme completam o pacote.

As 16 janelas, oito de cada lado, têm 71 cm de diâmetro, o que permite que mais luz natural entre. As cortinas e outros itens do interior do avião podem ser controlados por um aplicativo de celular ou tablet.

Para a tripulação, sobra tecnologia. Com sistemas automatizados, câmeras e visualizações 3D do terreno, toda essa tecnologia ajuda os pilotos a tornarem a viagem mais tranquila e segura.

Gazeta do Povo


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Maia sanciona lei que libera remédios para emagrecer, informa Casa Civil

Quina de São João vai sortear R$ 130 milhões em Campina Grande neste sábado

Governo americano suspende todas as importações de carne fresca do Brasil

Maioria do STF confirma validade das delações da JBS e Fachin como relator


Prêmio da Mega-Sena vai para bolão com 22 cotas em Peruíbe, SP

Prêmio da Mega-Sena vai para bolão com 22 cotas em Peruíbe, SP


Cavalo morre um mês após ser leiloado por quase R$ 7 milhões

Cavalo morre um mês após ser leiloado por quase R$ 7 milhões


Incêndio em Portugal teve ‘mão criminosa’, diz chefe dos bombeiros

Incêndio em Portugal teve ‘mão criminosa’, diz chefe dos bombeiros


Brasileira que foi trabalhar em cruzeiro na Europa está desaparecida

Brasileira que foi trabalhar em cruzeiro na Europa está desaparecida



CFW Agência de Internet