Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Criador de helicóptero que roda também na rua é parado pela polícia e sopra o bafômetro

Checo Pavel Brezina fez 1ª viagem com mini-helicóptero certificado para andar também na estrada com objetivo de competir com os futuros carros voadores.


quarta-feira, 14/junho/2017
Criador de helicóptero que roda também na rua é parado pela polícia e sopra o bafômetro

Enquanto os fabricantes de automóveis do mundo todo competem para fabricar um carro voador, o tcheco Pavel Brezina preferiu buscar outra solução com seu GyroDrive, um mini-helicóptero que pode circular nas estradas.

Brezina, de 51 anos, é piloto, engenheiro e proprietário da “Nirvana Systems”, uma empresa de motores para pequenos artefatos voadores. Ele assegura que seu veículo é capaz tanto de voar como de se mover por rodovias.

“É o único veículo voador certificado também para rodovias”, explica à AFP em um hangar do aeroporto de Prerov-Bochor, no leste da República Tcheca.

Na República Tcheca, Brezina obteve a licença para seu GyroDrive em março, 3 anos após o início do projeto. Sua primeira viagem foi a Praga, cerca de 230 km ao oeste de Prerov-Bochor.

Após aterrissar em um aeroporto dos arredores da capital, seguiu com o veículo até a turística praça de Wecenslas, no centro da cidade, para tomar um café, mas foi parado pela polícia no meio do caminho. A polícia apenas verificou seus documentos e fez um teste de bafômetro.

Como funciona?

Seu GyroDrive, construído sobre a base de um giroplano (mini-helicóptero), tem um rotor que pode subir e descer e uma hélice traseira para a propulsão.

A companhia de Brezina compra giroplanos fabricados na Alemanha e adiciona neles um sistema para passar de um motor a gasolina, para voar, a outro elétrico, para andar por rodovias.

Sobre o asfalto, o GyroDrive, que tem dois lugares, pode viajar a no máximo 40 km/h em trajetos curtos, para chegar a um posto de gasolina ou a um hotel, por exemplo. Porém, não pode circular por autopistas, onde a velocidade mínima é de 80 km/h.

O veículo é resistente ao vento, à chuva e à neve e precisa de cerca de 100 metros para decolar. No ar, pode atingir uma velocidade máxima de 180 km/h, com um raio de ação de 600 km.

Para transformá-lo em um veículo terrestre após o pouso, o piloto precisa imobilizar o rotor principal ao longo do eixo do GyroDrive e exibir sua placa de matrícula.

O preço de venda inicial do GyroDrive é de 1,5 milhão de coroas (cerca de R$ 211 mil), mas pode chegar a até quatro milhões de coroas (R$ 561 mil), dependendo das especificações.

g1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Maia sanciona lei que libera remédios para emagrecer, informa Casa Civil

Quina de São João vai sortear R$ 130 milhões em Campina Grande neste sábado

Governo americano suspende todas as importações de carne fresca do Brasil

Maioria do STF confirma validade das delações da JBS e Fachin como relator


Prêmio da Mega-Sena vai para bolão com 22 cotas em Peruíbe, SP

Prêmio da Mega-Sena vai para bolão com 22 cotas em Peruíbe, SP


Cavalo morre um mês após ser leiloado por quase R$ 7 milhões

Cavalo morre um mês após ser leiloado por quase R$ 7 milhões


Incêndio em Portugal teve ‘mão criminosa’, diz chefe dos bombeiros

Incêndio em Portugal teve ‘mão criminosa’, diz chefe dos bombeiros


Brasileira que foi trabalhar em cruzeiro na Europa está desaparecida

Brasileira que foi trabalhar em cruzeiro na Europa está desaparecida



CFW Agência de Internet