Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Irmão de José Dirceu é transferido de Ribeirão Preto para penitenciária em Tremembé

Luiz Eduardo de Oliveira e Silva foi condenado pelo TRF-4 a 10 anos de prisão


sexta-feira, 09/fevereiro/2018
Irmão de José Dirceu é transferido de Ribeirão Preto para penitenciária em Tremembé

A Condenação em segunda instância na Operação Lava Jato, o irmão do ex-ministro José Dirceu, Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, foi transferido na tarde desta sexta-feira (9) da carceragem da Polícia Federal em Ribeirão Preto (SP) para a Penitenciária II em Tremembé (SP).

A PF informou que Luiz Eduardo ficará à disposição da Justiça Federal. O juiz Sérgio Moro, que expediu o mandado de prisão, já determinou a transferência dele para a ala reservada aos presos da Operação Lava Jato, no complexo médico penal em Curitiba (PR).

A advogada Paula Moreira Indalecio disse que já ingressou com pedido de habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça (STJ). A defesa também quer a reconsideração da sentença, para que o irmão do ex-ministro cumpra a pena em Ribeirão, onde a família mora.

Luiz Eduardo foi condenado em maio de 2016 a oito anos e nove meses de prisão em regime fechado por lavagem de dinheiro e organização criminosa. A pena foi aumentada para 10 anos, seis meses e 23 dias pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), em setembro de 2017.

José Dirceu foi condenado nessa mesma ação no TRF-4, mas a Corte ainda não avaliou um recurso apresentado pela defesa em 8 de janeiro.

G1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
STJ substitui prisão de irmãos Joesley e Wesley Batista por medidas cautelares

Trem que liga Londres a Amsterdã faz viagem inaugural

Petrobras reajusta hoje preço médio da gasolina e do diesel nas refinarias

Decreto sobre intervenção federal no Rio de Janeiro chega ao Senado


Mulher é enterrada viva na Bahia e corpo é achado revirado dentro de caixão

Mulher é enterrada viva na Bahia e corpo é achado revirado dentro de caixão


Mega-Sena, ninguém acerta e prêmio acumula em R$ 100 mi

Mega-Sena, ninguém acerta e prêmio acumula em R$ 100 mi


Estudante que levou soco após sair do carnaval tem morte cerebral; preso diz que foi agredido e queria descontar em alguém

Estudante que levou soco após sair do carnaval tem morte cerebral; preso diz que foi agredido e queria descontar em alguém


Horário de verão termina neste domingo

Horário de verão termina neste domingo