Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Jovem de 23 anos confessa ter estuprado e matado idosa de 74


segunda-feira, 09/março/2015
Jovem de 23 anos confessa ter estuprado e matado idosa de 74

Um jovem de 23 anos foi preso em flagrante nesta segunda-feira (9) em Palma Sola, no Oeste de Santa Catarina, suspeito de ter roubado, estuprado e matado uma idosa de 74 anos na área rural do município. Segundo a Polícia Civil, ele confessou o crime.

O jovem chegou de bicicleta a casa da idosa na localidade de Cerro Azul entre às 21 e 22h de domingo (8). De acordo com a Polícia Civil, após ter desligado o disjuntor, ele arrombou a porta da casa da mulher que era viúva e morava sozinha.

“Ela ligou para uma vizinha enquanto ele tentava entrar na casa, mas, eles não entenderam o que ela disse e relutaram”, explica o delegado José Airton Stang, responsável pelo caso e que atua na Delegacia da Mulher de São Miguel do Oeste.

Quando os vizinhos chegaram ao local, o suspeito fugiu pela janela deixando a bicicleta, um par de sandálias de dedos e um celular. A idosa foi encontrada machucada e seminua no chão da sala da própria residência. “Ela estava sem a roupa da parte de baixo do corpo”, detalha o delegado Stang.

Segundo ele, o jovem deu uma paulada na cabeça da idosa. “Ele disse que usou um pedaço de madeira que estava na casa. Acreditamos que seja uma trava, utilizada pelo pessoal no interior para segurança”, afirma o delegado. A mulher chegou a ser socorrida, mas morreu no hospital ainda na noite de domingo.

“Ele estava alucinado”
O suspeito fugiu do local do crime a pé. “Por onde ele passava ia apedrejando casas de vizinho; provocou um pequeno incêndio em uma parada de ônibus; jogou uma pedra contra a viatura da PM, que por pouco não atingiu o policial que dirigia. Ele estava alucinado”, conta o delegado.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher era conhecida na cidade e o crime causou revolta entre os moradores que ajudaram a polícia nas buscas. O suspeito foi encontrado na manhã desta segunda-feira e conduzido para a delegacia de Dionísio Cerqueira, onde foi ouvido. Segundo o delegado responsável pelo caso, alguns moradores da comunidade queriam agredir o suspeito.

“Ele confessou e demonstrou ser muito frio e calculista. Em nenhum momento demostrou ter remorso. Alegou que é usuário de droga e que havia ingerido bebida alcoólica. Ele foi indiciado por estupro qualificado pela morte, latrocínio e dano qualificado contra a viatura da PM”, afirma o delegado José Airton Stang. A polícia encontrou uma aliança de outro e R$ 525 com o suspeito. “Ele disse que é dele, mas acreditamos que era da idosa”, diz o delegado.

Passagem pela polícia
O jovem de 23 anos possui uma passagem por ameaça. De acordo com a polícia, ele veio do Mato Grosso e mora há cerca de 4 meses em Palma Sola. O suspeito disse aos policiais que já havia sido preso no outro estado por furto. O jovem foi encaminhado para a unidade prisional avançada de São José do Cedro, também no Oeste catarinense.

g1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Você está falando o nome do novo iPhone do jeito errado

Pesquisadores da UFMG testam vacina contra a cocaína

Única mulher a bordo do submarino argentino desaparecido é oficial pioneira

Homem é detido correndo pelado no Centro de São Carlos


Mega-Sena pode pagar R$ 33 milhões neste sábado

Mega-Sena pode pagar R$ 33 milhões neste sábado


Governo federal vai suspender a abertura de novos cursos de medicina, diz MEC

Governo federal vai suspender a abertura de novos cursos de medicina, diz MEC


Casal morre por asfixia dentro de carro e corpos são encontrados nus em MT

Casal morre por asfixia dentro de carro e corpos são encontrados nus em MT


Morre o ex-poderoso chefão da máfia siciliana Toto Riina, diz imprensa

Morre o ex-poderoso chefão da máfia siciliana Toto Riina, diz imprensa