Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Pagar IPVA com desconto é mais vantajoso, dizem especialistas


sexta-feira, 11/janeiro/2013
Pagar IPVA com desconto é mais vantajoso, dizem especialistas

O prazo para pagamento da cota única com desconto ou da primeira das três parcelas do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) vence este mês para os motoristas do Estado de São Paulo. Para especialistas, o pagamento à vista com desconto é a melhor opção para quem não tem dívida.

No Paraná, os contribuintes que pagarem antecipadamente a taxa, até o mês de fevereiro, terão um desconto de 5% sobre o valor total. O prazo final para obter o desconto depende do final da placa do veículo
“Considerando que o parcelamento é em até três vezes, o desconto de 3% [no caso de São Paulo] é mais vantajoso comparado com o rendimento médio das aplicações de renda fixa – que ficam em torno de 0,5% e 0,6% por mês. Ou seja, se aplicado em caderneta ou outro tipo de renda fixa, o dinheiro não vai render 3% ao longo de três meses. Vale mais à pena pagar de uma vez”, diz Gilberto Braga, professor de finanças da Ibmec.

No entanto, Braga alerta que não vale a pena pegar um empréstimo para pagar o imposto à vista. “O custo de juros mensais é superior ao desconto. Os juros dos empréstimos pessoais e consignados estão na faixa de 3% e 5% ao mês, já no caso do cheque especial, está em torno de 6% ao mês.”

Dicas

Em nota, o presidente da DSOP Educação Financeira, Reinaldo Domingos, dá dicas para o pagamento do IPVA. De acordo com ele, é importante que o contribuinte saiba qual a situação financeira em que se encontrar para não desequilibrar o orçamento financeiro na hora de pagar o imposto. Veja mais dicas sobre pagar o IPVA sem desequilibrar o orçamento:

– Início de ano: neste período, os compromissos são diversos. Opte por pagar a conta de maior prioridade para a família ou aquela em que o valor do desconto será maior. O restante deve ser parcelado;

– Contribuintes investidores: a recomendação é para o pagamento à vista que obterá 3% de desconto no IPVA;

– Contribuintes endividados ou equilibrados financeiramente: o pagamento deve ser parcelado, visto que não há dinheiro disponível para que o pagamento seja feita de uma vez;

– Financiamento: deve ser totalmente proibido recorrer ao cheque especial ou ao mercado financeiro, pois os juros podem agravar ainda mais a situação financeira.

– Outras contas: fique atento. Muitas pessoas acabam sendo influenciadas pelo desconto e esquecem de outros compromissos também de grande importância;

– Reserva: antes de pagar, saiba quais outras contas estão pendentes e guarde uma reserva para imprevistos;

– Pagamento parcelado: se for parcelar, insira imediatamente o valor das prestações no orçamento para não perder o controle financeiro

– Saúde financeira: aqueles que não conseguirem pagar o imposto à vista devem fazer uma reflexão sobre os motivos desse impedimento e buscar solucioná-lo.
Gazeta do Povo


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Preço da gasolina sobe pela 6ª semana seguida e atinge maior valor no ano, diz ANP

Polícia apreende carro de R$ 1,8 milhão com suspeitos de envolvimento com a moeda falsa

Ex médico se veste de mulher e atenta a própria vida

1,2 milhão de MEIs correm o risco de ter registro cancelado até dezembro


Cerco à Rocinha vai mobilizar 950 militares e dez blindados, anuncia Jungmann

Cerco à Rocinha vai mobilizar 950 militares e dez blindados, anuncia Jungmann


Será que a PF encontrou e filmou adega de vinhos de Joesley Batista?

Será que a PF encontrou e filmou adega de vinhos de Joesley Batista?


Coreia do Norte diz que pode testar bomba de hidrogênio no Pacífico; Trump chama Kim Jung-un de louco

Coreia do Norte diz que pode testar bomba de hidrogênio no Pacífico; Trump chama Kim Jung-un de louco


Mega-Sena, ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 35 milhões

Mega-Sena, ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 35 milhões



CFW Agência de Internet