Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Semana Santa: veja quais vinhos combinam com a época

A semana santa é marcada por pratos especiais, feitos à base de peixe, e também pelo vinho. Veja as dicas dos chefs.


terça-feira, 15/março/2016
Semana Santa: veja quais vinhos combinam com a época

O vinho nasce a partir da fermentação alcoólica do suco extraído de uvas amassadas. E ele tem diversas variações, que levam em conta o tipo da uva, coloração da bebida, o teor de açúcar, a quantidade de gás carbônico e a graduação alcoólica. A união dessas etapas resulta em sabores incríveis que harmonizam com os mais variados pratos. Na Semana Santa, período marcado pela confraternização em torno da mesa repleta de pratos deliciosos, a bebida ganha significado especial. Veja os que mais fazem sucesso nos estabelecimentos do Empório Gourmet da Reserva do Paiva e dos restaurantes peruanos Chiwake e Chicama, e com o quê harmonizam.

 

Casa del Toqui Cabernet Sauvignon

De coloração rubi intenso, a bebida é produzida na região do Valle Central do Chile e supervisionada pelo enólogo Alfonso Duarte Piña. Tem sabor frutado, com bom frescor e taninos maduros. Ele é indicado para ser apreciado com massas, peixes e legumes, como o prato Atum Nikkei, do Chiwake, que é atum selado sobre crema de wasabi, massa crocante e legumes em salsa. A garrafa custa R$ 63 e tem 375 ml.

 

Ventisquero Clásico Carménère

Antes de chegar às mesas, este vinho repousa por 6 meses em barricas de carvalho americano, e mais 6 meses engarrafado. Ele é da região do Valle del Colchagua, no Chile. De cor rubi com leve traço vermelho púrpura, tem sabor frutado, acidez equilibrada, macio e tanino maduro. Harmoniza com pratos que contém queijo, como o Arroz de Mariscos servido no Chicama, que é arroz levemente picante com camarões, lula, polvo e lagosta grelhada na manteiga de gengibre. A garrafa tem 750 ml e custa R$ 69.

 

Leon de Tarapacá

Frutado com toque de especiarias, o Leon de Tarapacá é oriundo da uva cabernet sauvignon e possui sabor equilibrado e macio. Ele é produzido na localidade do Valle Central, no Chile, e harmoniza bem com pizzas, como a de parma com gorgonzola, da Pizza da Praça do Empório Gourmet Reserva do Paiva. Além desses ingredientes, leva molho italiano, mussarela, azeitonas e orégano. A garrafa tem 750 ml e custa R$39,23.

 

Alta Vista Classic Reserva

De cor vermelha púrpura brilhante, o argentino Alta Vista tem aroma marcado por frutas maduras com notas de baunilha e toque suave de café, adquiridos pela passagem em carvalho. Apreciado pelo frescor, a bebida deve ser degustada com frutos do mar e frutas, como o prato Camaranga, do Beijupirá do Empório Gourmet da Reserva do Paiva, que são camarões flambados, puxados na manteiga, com fatias de manga grelhada com especiarias, acompanhando arroz de aipo. A garrafa tem 750 ml, no valor de R$55.


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Brasil vai ganhar segunda unidade do Hard Rock Cafe

Gigante de bebidas Codorníu transfere sede da Catalunha

VEJA Comer & Beber premia os melhores da gastronomia curitibana

Secretaria da Mulher abre pré-inscrição para II Curso de Técnicas em Confeitaria


Aprenda a fazer o Super saudável Poke de Salmão

Aprenda a fazer o Super saudável Poke de Salmão


5º melhor vinho do mundo é brasileiro, e custa menos de R$ 50

5º melhor vinho do mundo é brasileiro, e custa menos de R$ 50


Brahma lança cerveja em evento na Alemanha para celebrar o Oktoberfest

Brahma lança cerveja em evento na Alemanha para celebrar o Oktoberfest


Temporada de lagostas: conheça locais para degustar a rainha do mar

Temporada de lagostas: conheça locais para degustar a rainha do mar