Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Hospital Regional está com 63,98% da obra executada

Bernardo esteve vistoriando a obra na semana passada juntamente com o Governador Beto Richa.


quinta-feira, 19/outubro/2017
Hospital Regional está com 63,98% da obra executada
A maior obra de edificação pública em andamento no Paraná avança diariamente e se aproxima dos 65% de obra concluída. De acordo com os percentuais medidos pela Paraná Edificações em setembro, a construção do Hospital Regional do Centro-Oeste, em Guarapuava, está 63,98% executada.
Para o Deputado Estadual Bernardo Ribas Carli, que é um dos grandes responsáveis pelo investimento no município, trata-se da realização diária de um sonho. “Acompanhamos com muita alegria o bom andamento da construção do Hospital Regional em nossa cidade e a cada dia nos aproximamos mais do efetivo reforço aos atendimentos de saúde de toda a nossa região”, destacou.
Bernardo esteve vistoriando a obra na semana passada juntamente com o Governador Beto Richa. “São importantes e belíssimas construções que vão proporcionar um atendimento mais digno e mais humano, à altura da importância da população”, disse o chefe do Executivo Estadual, referindo-se também ao Centro de Especialidades Médicas, igualmente em construção pelo Governo do Estado em Guarapuava.
Num investimento de R$ 47,5 milhões, o Hospital Regional tem uma área de 16 mil metros quadrados. Terá seis pavimentos, quatro andares, heliporto, 150 leitos, sendo 40 de UTI, e auditório para aulas e capacitações. Atenderá com serviços de urgência e emergência, além de cirurgias vasculares, neurológicas e emergenciais.
 
Centro de Especialidades
O Centro de Especialidades Médicas do Paraná em construção em Guarapuava está 97,61% concluído. A previsão é de que entre em funcionamento no primeiro semestre de 2018.
São 3.112 metros quadrados de área e um investimento de R$ 9 milhões. Com 24 consultórios, serão ofertados exames de várias especialidades, como oftalmologia, audiometria, mamografia, eletroencefalografia e endoscopia. Também haverá estrutura para cirurgias simples. Além disso, o Centro deverá ser referência para o atendimento da rede Mãe Paranaense na região.
O Governo do Estado já está licitando R$ 3 milhões em equipamentos para a unidade.
“Mais uma importante estrutura para melhorarmos os serviços públicos de saúde em nossa cidade e toda a região”, afirmou Bernardo Carli.

Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus