Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

IPVA – quem não pagar terá o nome inscrito no cadastro de inadimplentes

O Estado concede desconto de 3% aos contribuintes que optarem pela quitação em parcela única


quarta-feira, 20/janeiro/2016
IPVA – quem não pagar terá o nome inscrito no cadastro de inadimplentes

A Secretaria da Fazenda do Paraná alerta que o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), relativo ao exercício de 2016, começa nesta quinta-feira (21) para os veículos com os finais de placas 1 e 2. A data é a mesma para quem vai pagar o imposto à vista e também para os proprietários que vão parcelar em três vezes.

O Estado concede desconto de 3% aos contribuintes que optarem pela quitação em parcela única. Os donos de veículos com outros finais de placas devem ficar atentos ao calendário de pagamentos. A Secretaria da Fazenda informa que quem que não pagar o imposto nos prazos definidos pela legislação terá multa de 10% e os valores sofrerão acréscimo de juros e atualização pela variação da taxa Selic.

Os veículos que estiverem com débitos do IPVA não recebem o licenciamento anual emitido pelo Detran/PR e estão impedidos de transitar nas vias públicas sob risco de retenção do automóvel e aplicação de multas pelas autoridades de trânsito. Os contribuintes que possuem pendências relativas ao pagamento de IPVA serão inscritos no Cadin (Cadastro Informativo Estadual), criado em 2015, e terão restrições no relacionamento com o governo.

O IPVA é de competência estadual, mas toda a arrecadação desse imposto é dividida entre o Estado e os municípios de registro do veículo. Do total arrecadado com o IPVA são descontados, por lei, 20% para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). Depois, a receita líquida do imposto é dividida entre os estados (50%) e municípios (50%).

O pagamento poderá ser feito por meio do boleto bancário enviado aos contribuintes ou diretamente nos bancos credenciados – Banco do Brasil, Bancoob, Bradesco, Itaú, Rendimento e Sicredi – com o número do Renavam do veículo. Outra opção é o uso de Guia de Recolhimento do Estado do Paraná (GRPR), que pode ser obtida no portal www.fazenda.pr.gov.br.

O Paraná conta com uma frota de 6,62 milhões de veículos e, destes, 4,38 milhões são tributados. A maior parte da frota terá alíquota de 3,5%. Nos últimos anos, de 38% a 41% dos donos de veículos pagaram o imposto à vista. Os parcelamentos, sem acréscimos, têm vencimentos nos meses de janeiro, fevereiro e março.


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Promotoria de Matinhos abre investigação contra vereador

Homem Aranha tem fantasia furtada e faz apelo ao assaltante

Prefeito Cesar Silvestri Filho palestrará em evento internacional

Cristina Silvestri propõe que proprietários de bicicletas tenham número de série na NF


Prefeito em exercício, Itacir Vezzaro acompanha inauguração de ampliação de Clínica Veterinária da Unicentro

Prefeito em exercício, Itacir Vezzaro acompanha inauguração de ampliação de Clínica Veterinária da Unicentro


Prefeito de Matinhos desabafa e chama os vereadores de bandidos

Prefeito de Matinhos desabafa e chama os vereadores de bandidos


Quatro morrem durante tocaia em Pinhão

Quatro morrem durante tocaia em Pinhão


Esquema ilegal de liberação de alvarás é desarticulado pelo Gaeco

Esquema ilegal de liberação de alvarás é desarticulado pelo Gaeco



CFW Agência de Internet