Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Quase 300 postos de combustíveis são fiscalizados por auditores da Receita em 133 municípios

Operação, que começou na terça-feira (28) e continua nesta quarta (29), vai apurar irregularidades fiscais.


quarta-feira, 29/março/2017
Quase 300 postos de combustíveis são fiscalizados por auditores da Receita em 133 municípios

Quase 300 postos de combustíveis em 133 municípios do Paraná são fiscalizados por auditores da Receita Estadual desde terça-feira (28). A operação vai apurar irregularidades fiscais e foi divulgada pelo governo estadual apenas nesta quarta (29), dia em que os auditores continuam a fiscalização.

No total, 282 postos de combustíveis são alvo da operação. Eles apresentaram volumes de comercialização abaixo da estimativa feita pelo sistema de monitoramento da Receita Estadual, segundo o governo estadual.

No sistema de monitoramento, há informações já existentes na base de dados e também o que é coletado pela fiscalização em trabalho de campo.

Durante a operação, os auditores verificam – ainda conforme o governo estadual – o estoque de combustível sem documento fiscal, a venda de combustível que entrou sem o pagamento do imposto e a falta de emissão de documento fiscal na venda de combustíveis.

O governo estadual informou que 112 auditores participam da operação, apurando as infrações tributárias.

Distribuidoras, importadoras de combustíveis e refinaria também estão sendo fiscalizados pela Receita Estadual, para a checagem de irregularidades de procedimentos e de sonegação de impostos

De acordo com o governo estadual, dependendo das irregularidades que foram constatadas, a empresa poderá ser objeto de uma auditoria mais aprofundanda, com a abrangência de vários meses ou exercícios fiscais.

Operação Pane Seca

Outra operação envolvendo postos de combustíveis é realizada nesta quarta-feira, a Pane Seca. Esta é a 2ª fase da operação. Desde o início desta manhã, 50 policiais civis cumprem14 mandados judiciais no Paraná.

As ordens judiciais são cumpridas em Curitiba e Região Metropolitana e em Guaratuba, no litoral do estado. Ao todo, são dois mandados de prisão temporária; oito de busca e apreensão e quatro de condução coercitiva – quando a pessoa é levada à delegacia para prestar depoimento.

Os alvos são suspeitos de envolvimento direta ou indiretamente com a fraude em abastecimento de combustível descoberto na 1ª fase da Pane Seca, deflagrada no sábado (25). Seis pessoas foram presas no dia da operação e outras duas se apresentaram à polícia na noite de segunda-feira (27). Dois suspeitos continuam foragidos.

g1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Nota de esclarecimento sobre a situação da comunidade do Potreiro

Polícia estoura desmanche clandestino que usava carros comprados em leilões

Prefeito assina autorização para licitação de veículo em encontro no Palácio do Iguaçu

OAB Guarapuava cumpre desagravo público em favor de advogada no dia 27


Câmara de Ponta Grossa aprova retirada da isenção de imposto para empresas

Câmara de Ponta Grossa aprova retirada da isenção de imposto para empresas


Operação da Polícia Civil mira servidores públicos e empresários do sudoeste do Paraná

Operação da Polícia Civil mira servidores públicos e empresários do sudoeste do Paraná


Tremores de terra atingem cidades do Paraná

Tremores de terra atingem cidades do Paraná


Rapaz morre atropelado quando retornava de festa

Rapaz morre atropelado quando retornava de festa



CFW Agência de Internet