Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Richa devolve R$ 3,5 mil referentes à viagem com parada em Paris


terça-feira, 08/dezembro/2015
Richa devolve R$ 3,5 mil referentes à viagem com parada em Paris

O governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), devolveu US$ 930, cerca de R$ 3,5 mil, referentes à viagem que fez para a China, Rússia e França em outubro deste ano.

A viagem gerou polêmica, uma vez que a comitiva do governador passou um fim de semana em Paris, sem agenda oficial.

Eles se hospedaram em um hotel de luxo próximo à Champs-Élisées, uma das avenidas mais famosas do mundo. A diária no hotel custa o equivalente a cerca de R$ 1 mil. Richa estava acompanhado da secretária de estado e esposa, Fernanda Richa, empresários e assessores.

De acordo com o governo do estado, os US$ 930 foram economizados da verba que Richa dispunha para alimentação, hospedagem, transporte terrestre e outros para toda a viagem.

À época, deputados que compõem a bancada de oposição ao governo na Assembleia Legislativa (Alep) questionaram a parada em Paris. Tadeu Vereni (PT) chegou a afirmar que Richa quis ficar em Paris para tomar um bom vinho.

O governo informou que o fim de semana em Paris foi uma “parada técnica” em função da indisponibilidade de voos e conexões para a China.

A polêmica se estendeu, e o coletivo “Direito Para Todos” entrou na Justiça requerendo explicações sobre a viagem. O judiciário estabeleceu um prazo para que Beto Richa se manifestasse.

O coletivo alegou que Paris não era a única conexão possível para a China, e que a passagem, comprada com antecedência, poderia ter previsto um itinerário mais barato e que não necessitasse da parada técnica.

Veja a nota do governo do estado na íntegra
O governador do Estado do Paraná, Beto Richa, devolveu o valor de US$ 930 (novecentos e trinta dólares) não utilizados em sua última missão internacional para China, Rússia e França. O dinheiro economizado seria utilizado como ajuda de custo para suprir gastos com alimentação, hospedagem, transporte terrestre e outros. Essa é uma prática adotada pelo governador desde as suas primeiras viagens. Beto Richa já devolveu aos cofres públicos um total de US$ 3.605,00 (três mil seiscentos e cinco dólares) referentes a valores de ajuda de custo não utilizados em missões internacionais.

 


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Prefeitura de Ponta Grossa oferece 1,2 mil vagas em cursos profissionalizantes pelo Pronatec

Quase 500 toneladas de lixo são retiradas das praias do Paraná em um mês

Denúncia de maus tratos e abandono de animais pode ser feita pelo Portal da Prefeitura de Guaratuba

Suspeitos de tráfico de drogas são detidos em Guaratuba, no litoral do Paraná


Bernardo cumpre agenda em Guarapuava e região tratando de investimentos na Educação

Bernardo cumpre agenda em Guarapuava e região tratando de investimentos na Educação


Trem é atingido por deslizamento de terra na ligação entre Curitiba e o litoral do Paraná

Trem é atingido por deslizamento de terra na ligação entre Curitiba e o litoral do Paraná


Motorista que matou criança e invadiu casa em Guarapuava não tem CNH, diz PM

Motorista que matou criança e invadiu casa em Guarapuava não tem CNH, diz PM


Caminhão atropela duas crianças na calçada e invade casa em Guarapuava; menino de 4 anos morreu

Caminhão atropela duas crianças na calçada e invade casa em Guarapuava; menino de 4 anos morreu