Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Secretaria da Fazenda reconhece irregularidades e exonera auditores


sexta-feira, 27/março/2015
Secretaria da Fazenda reconhece irregularidades e exonera auditores

A Secretaria Estadual da Fazenda reconheceu que há irregularidades na Receita Estadual em Londrina, no norte do Paraná, e exonerou os auditores fiscais presos durante as operações realizadas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), vinculado ao Ministério Público do Paraná (MP-PR).

O Gaeco investiga há nove meses um suposto esquema de recebimento de vantagens indevidas dentro da Receita Estadual. A Operação Publicano, deflagrada em março, chegou a cumprir 20 mandados de prisão. Entre as pessoas que foram presas estão oito funcionários da Receita Estadual, sendo sete auditores, um policial civil, um contador e empresários.

Conforme o MP-PR, existia um grupo na Receita Estadual que protegia a sonegação fiscal de empresário em troca de propina. O órgão ainda não identificou o valor do desvio.

A secretaria da Fazenda disse ainda que já abriu um processo na corregedoria e que um grupo de trabalho vai rever tudo o que está sob suspeita. Para isso, enviou nove auditores fiscais de outras delegacias regionais para revisar os trabalhos feitos pelos servidores envolvidos nas investigações.

O novo delegado da Receita Estadual em Londrina, Marcelo Melle, se reuniu com os promotores do Gaeco na quarta-feira (25). Na saída pediu a empresários que denunciem ações de fiscalização irregulares e anunciou mudanças nos procedimentos.

Segundo Melle, as fiscalizações serão mais rápidas e feitas apenas por meio de ordens de serviço específicas. “É uma forma de fazer com que a fiscalização seja absolutamente transparente, sem abrir caminho para negociações”, diz.


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Governo do Paraná divulga tabela de vencimento do IPVA-2018

Acidente entre Ferrari e Jetta assusta moradores no Alto da Glória

Acidente entre caminhões e ônibus deixa feridos na BR-277, em Guarapuava

Manifestantes voltam a liberar o trânsito alternadamente na região de Pinhão


Festa do Caranguejo em Paranaguá espera vender 24 mil crustáceos em cinco dias

Festa do Caranguejo em Paranaguá espera vender 24 mil crustáceos em cinco dias


Aeroporto de Ponta Grossa terá novo aporte financeiro

Aeroporto de Ponta Grossa terá novo aporte financeiro


Juiz determina desocupação imediata da Pr-170 em Pinhão

Juiz determina desocupação imediata da Pr-170 em Pinhão


Moradora de Paranaguá fatura R$ 1 milhão do prêmio especial de Natal do ‘Nota Paraná’

Moradora de Paranaguá fatura R$ 1 milhão do prêmio especial de Natal do ‘Nota Paraná’