Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Vereador é preso por exigir dinheiro para facilitar doação de terrenos

Segundo a polícia, vereador receberia R$ 60 mil para facilitar doação


quarta-feira, 23/dezembro/2015
Vereador é preso por exigir dinheiro para facilitar doação de terrenos

O vereador de Umuarama, no noroeste do Paraná, Hemerson Yokota (PR) foi preso nesta terça-feira (22). Ele é suspeito de exigir dinheiro de um empresário do setor de móveis para facilitar o processo de doação de terrenos na Câmara Municipal.

De acordo com a Polícia Civil, o parlamentar foi detido em um clube da cidade, onde recebeu R$ 25 mil em dinheiro do empresário. Ele vai responder pelo crime de concussão – quando é exigida vantagem indevida em razão da função pública.

Ainda conforme a polícia, as investigações começaram na segunda-feira, quando a vítima, dona de uma empresa de móveis planejados, informou que foi procurada pelo vereador para pagar R$ 80 mil em troca da facilitação para a doação do terreno. A polícia passou a monitorar a negociação, gravando áudios e vídeos.

Segundo a Polícia Civil, o valor foi negociado e fechado em R$ 60 mil, divididos em duas parcelas: R$ 25 mil, entregues nesta terça-feira, em um clube, e outros R$ 35 mil, que seriam pagos no primeiro dia útil do mês de janeiro de 2016.

O vereador foi preso quando saiu de um clube. Com ele, os policiais encontraram os R$ 25 mil em dinheiro.

Yokota foi encaminhado para a delegacia de Umuarama. Aos policiais, ele disse que passava por um momento financeiro complicado e que o dinheiro era para pagar um empréstimo.

O advogado do vereador, Doroteu Trentini, informou que não vai se pronunciar enquanto não tiver conhecimento mais amplo do caso.

A assessoria de imprensa da Câmara Municipal de Umuarama informou que também aguarda mais informações sobre a prisão para se pronunciar sobre o assunto.

A Polícia Civil informou que vai abrir um inquérito para apurar se há o envolvimento de outros servidores públicos no caso.

Hemerson Yokota (PR) foi eleito em 2012 como o vereador mais votado de Umuarama. Ele recebeu 2.309 votos (4,1% dos votos válidos). Na Câmara, Yokota é membro das comissões de Economia, Finanças e Fiscalização e de Educação, Cultura, Bem-Estar Social e Ecologia.

Foto: GuiaGoioere

g1


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também
Prefeitura de Ponta Grossa oferece 1,2 mil vagas em cursos profissionalizantes pelo Pronatec

Quase 500 toneladas de lixo são retiradas das praias do Paraná em um mês

Denúncia de maus tratos e abandono de animais pode ser feita pelo Portal da Prefeitura de Guaratuba

Suspeitos de tráfico de drogas são detidos em Guaratuba, no litoral do Paraná


Bernardo cumpre agenda em Guarapuava e região tratando de investimentos na Educação

Bernardo cumpre agenda em Guarapuava e região tratando de investimentos na Educação


Trem é atingido por deslizamento de terra na ligação entre Curitiba e o litoral do Paraná

Trem é atingido por deslizamento de terra na ligação entre Curitiba e o litoral do Paraná


Motorista que matou criança e invadiu casa em Guarapuava não tem CNH, diz PM

Motorista que matou criança e invadiu casa em Guarapuava não tem CNH, diz PM


Caminhão atropela duas crianças na calçada e invade casa em Guarapuava; menino de 4 anos morreu

Caminhão atropela duas crianças na calçada e invade casa em Guarapuava; menino de 4 anos morreu