Superinformado Notícias
Facebook
Twitter
Instagram

Cartório promove casamento coletivo em Pinhais


quarta-feira, 04/março/2015
Cartório promove casamento coletivo em Pinhais

O dia 14 de março será especial para 96 casais residentes na cidade de Pinhais, na região metropolitana de Curitiba (RMC). Eles se inscreveram para participar do casamento coletivo que será realizado no munícipio nessa data. O evento começará às 19 horas no Centro de Formação dos Profissionais da Educação (Cenforpe) da Secretaria de Educação e faz parte das comemorações pelo aniversário de 23 anos da cidade.

A cerimônia de Pinhais conta com o apoio da prefeitura da cidade, Poder Judiciário, Sesc Paraná e da  Associação dos Notários e Registradores do Estado do Paraná (Anoreg-PR). Todos os casais residem na cidade, são de diferentes faixas etárias e nenhum deles terá que desembolsar nada para participar da cerimônia. “O casamento coletivo visa dar oportunidade a todas as pessoas que não podem arcar com os custos, é um evento gratuito e um momento de realização para todos os casais” conta Karen Lúcia Cordeiro Andersen, oficial do Cartório de Registro Civil de Pinhais.

 

A cerimônia será realizada pela desembargadora Joeci Camargo, a juíza de paz presente e o prefeito de Pinhais também devem comparecer para prestigiar esse dia especial. A iniciativa é uma demonstração da preocupação dos cartórios em cumprir o seu papel social e apoiar a população. Muitos desses casais aguardam há anos pela oportunidade de casar oficialmente. O casamento civil é um tipo de união civil em que o Estado concede direitos e impõe obrigações ao casal. A oficialização da união tem diversos efeitos jurídicos como, por exemplo, a escolha do regime de bens entre os cônjuges e o acesso a benefícios sociais de programas do governo. “É bom ressaltar a importância do registro civil e o papel dos cartórios na prestação do serviço e no cumprimento de sua função social”, explica Karen.

 

A cidade de Pinhais completa 23 anos no dia 20 de março e a celebração de casamentos comunitários já é tradição dentro das comemorações, o evento está inserido no programa Justiça no Bairro que busca levar serviços jurídicos mais diretamente aos bairros, conduzindo o poder judiciário até a população mais carente. Desde 2009 foram realizados mais de 600 casamentos em Pinhais.  O programa atende também outras cidades da RMC e também a capital Curitiba. Em dezembro, realizou o casamento de 800 casais na Arena da Baixada, nesse evento foram atendidos os municípios de Almirante Tamandaré, Araucária, Campina Grande do Sul, Campo Largo, Colombo, Fazenda Rio Grande, Pinhais, Piraquara e São José dos Pinhais.

 

Para os casais que há tempos sonhavam com a formalização da união, o dia não deve decepcionar. São esperados líderes religiosos, música e um clima de festa para que os noivos possam compartilhar em conjunto esse momento especial.

 

Serviço

 

Casamento Comunitário em Pinhais (PR)
Data: 14/03/2015
Horário: A partir das 19:00
Local: Centro de Formação dos Profissionais da Educação (Cenforpe) – Avenida Iraí, 696, no bairro Weissópolis.

 

Sobre a Anoreg-PR

A Associação dos Notários e Registradores do Estado do Paraná (Anoreg-PR) é a entidade de representação dos titulares dos cartórios extrajudiciais no Paraná, reunindo cerca de mil ofícios em todo o estado, entre Tabelionatos de Notas, Tabelionatos de Protesto, Registros Civis, Registros de Imóveis e Registros de Títulos e Documentos. Atua como porta-voz da classe, bem como na sua qualificação técnica para que possa prestar melhores serviços aos usuários, e na difusão de informações ao cidadão, ainda desconhecedor da gama de serviços prestados pelo segmento. Mais informações: www.anoregpr.org.br.


Compartilhar
Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Compartilhe no Google Plus

Leia Também





Cinco parques estaduais têm planos de manejo atualizados


Grupo GTFoods inicia exportação de frango tipo “Griller”


BRINK’S marca presença em evento global sobre ciclo de vida do dinheiro no Texas (EUA)


Leoni encerra temporada 2015 do “Trajeto Lumen Ao Vivo”